Conheça 5 marcas brasileiras que adotaram iniciativas de itens retornáveis

Experiência sustentável reduz o descarte de plástico e de outros produtos no meio ambiente e promove a reciclagem.

A sustentabilidade é uma iniciativa que tem se tornado, cada vez mais, uma preocupação da indústria, tanto em relação à produção, quanto no conceito da marca.
Empresas brasileiras têm ressignificado seus processos em busca da necessidade de preservar o meio ambiente e de atender aos consumidores mais conscientes. Uma das iniciativas adotadas é a produção de itens retornáveis, que são transformados em novos produtos. A ação contribui para a redução do descarte de plástico e de outros insumos no meio ambiente, por meio da reciclagem desses itens.
Confira cinco marcas que estão apostando nessa experiência sustentável.

Boaonda
Para a Boaonda, marca de calçados confortáveis, os três “Rs” da sustentabilidade (Reduzir, Reutilizar e Reciclar) têm grande importância para a empresa, especialmente para a produção fabril, em que maior parte dos resíduos são gerados. Em 2022, a marca desenvolveu uma coleção de calçados retornáveis em parceria com a Discovery. O processo funciona da seguinte forma: após o consumidor identificar o desgaste real do produto, ele poderá ser devolvido e reciclado pela Boaonda. Para incentivar o descarte correto do calçado, também é ofertado um desconto especial na loja on-line da marca.
Segundo a coordenadora de marketing da Boaonda, Letícia Vaccari, atualmente, 95% dos resíduos da empresa são recuperados e transformados em um novo calçado. “Este número impactante mostra a importância desse trabalho, que vai além da marca e do impacto econômico que nos gera. Atuar com a responsabilidade de um ciclo mais limpo é nossa rotina, que buscamos por meio de melhorias do nosso próprio ciclo. Evitamos alternativas que acabam sendo mais poluentes, como trabalhar com novas matérias-primas orgânicas que inviabilizam a reciclagem do produto”, explica.

Gocase
A Gocase também está colocando em prática medidas mais sustentáveis e lançou um produto 100% feito de matéria-prima reaproveitada. A capinha de celular, disponível em duas cores e mais de 100 opções de personalização, é fabricada a partir de produtos descartados pela produção, que possuem erro de fabricação ou que são devolvidos pelos clientes. Além disso, a iniciativa da empresa, em parceria com a One Tree Planted, propõe plantar uma árvore na floresta amazônica a cada Gocase Reciclada.

Boticário
O segmento de cosméticos tem demonstrado preocupação em relação à responsabilidade ambiental. O Boticário, por exemplo, criou um programa de reciclagem no qual embalagens vazias de cosméticos podem ser levadas até uma das lojas. Segundo o site da marca, o programa Botica Recicla transforma as embalagens vazias e as reutiliza em outros setores da marca. Além disso, os clientes do Clube Viva, clube fidelidade da marca, que levarem três ou mais embalagens vazias, recebem 15% de desconto nas compras acima de R$150.

Quem disse Berenice?
Seguindo na mesma linha do Boticário, a Quem disse Berenice? também criou um projeto de descarte correto de embalagens vazias. A ação é válida para o cliente do clube fidelidade da marca (Nosso Clube). Para participar, é preciso juntar cinco embalagens válidas da Quem disse Berenice? e ir até uma loja física para trocá-las por um batom selecionado. O cliente também poderá trocar três embalagens por 15% de desconto em um produto.

Puket
Há nove anos a Puket realiza o projeto sustentável e social Meias do Bem. A iniciativa convida as pessoas a doarem meias (de qualquer marca), usadas, sem pares, rasgadas ou manchadas, em uma de suas lojas. Segundo o site da Puket, os itens doados são reciclados, transformados em cobertores e doados para instituições que assistem pessoas em situação de vulnerabilidade social. Também já foram doados pares de meias novos e máscaras de proteção contra a Covid-19.